do Último Segundo

Equipamento despencou do último andar, de uma altura de pelo menos 10 metros, parando no fosso de uma construção caseira em Itaquera

Fachada do prédio onde o elevador de construção caseira despencou do terceiro andar na manhã deste domingo

Uma pessoa morreu e outra ficou gravemente ferida na manhã deste domingo com a queda de um elevador de um prédio residencial localizado na rua Floriano de Toledo, no Jardim Nossa Senhora do Carmo, região de Itaquera, zona leste de São Paulo. Equipes dos bombeiros foram acionadas às 7h54 e, ao chegarem no local, constaram a morte de José Alécio Peral, de 58 anos.

O filho dele, Eder Alécio Peral, 30, foi encaminhado consciente para o Hospital Santa Marcelina, em Itaquera, porém com traumatismo na coluna, rigidez abdominal e falta de sensibilidade nas pernas.

Segundo informado por policiais militares durante registro de boletim de ocorrência no 53º Distrito Policial, do Parque do Carmo, o elevador despencou do terceiro e último andar da construção caseira, de uma altura de pelo menos 10 metros, parando no fosso. A perícia foi acionada para constatar a causa do acidente. A máquina elevatória, caseira e construída por João, era usada pela família para transportar objetos até um galpão instalado no imóvel e passou por manutenção havia um ano e seis meses.